Quinta-feira, Maio 13, 2021

Micaela vive drama. Obrigada a pagar 20 mil euros e sem dinheiro para tal…

Espetáculo Dia Mulher.cdr

A cantora Micaela vive um drama, depois do Tribunal a ter condenado a pagar 20 mil euros.

Micaela, 42 anos, chamou “burlão” e “arquiteto e autor de uma trama fraudulenta, ilícita e ilegal” ao emigrante Carlos Quaresma, de 65, que ficou conhecido quando se candidatou a umas eleições no Benfica, acusando-o de pretender extorquir dinheiro a várias autarquias, em várias ações solidárias (de envio de material ortopédico oriundo da Suécia).

Mas o tribunal deu razão a Carlos Quaresma, há 30 anos radicado na Suécia, e a cantora acabou condenada, em maio de 2018, a pagar-lhe, por “ofensas ao bom nome, honra e consideração do autor“, 20 mil euros de indemnização.

Contudo, há quase três anos que o lesado tenta cobrar a verba a que tem direito, mas sempre em vão.

Essa senhora deixou de pagar Segurança Social há vários anos. Não passa faturas dos concertos que dá. Foge de divulgar os locais dos espectáculos para fugir de ser notificada por mim. Não tem morada oficial nem conta bancária. Ou seja, dá-se como evaporada do mapa“, disse Carlos Quaresma à TV Guia.

Carlos Quaresma considera-se ainda “ofendido” quando, quase três anos depois da sentença, Micaela lhe enviou uma contraproposta: pagar 10 mil euros em prestações de 100 euros/mês.

Disse-me a chorar que vai ter de pedir ajuda a familiares e que não consegue mais por causa da Covid-19. Então, e quando não havia Covid, tinha a agenda cheia de espectáculos e passava o tempo na TV? Qual era a crise? Nenhuma!“, diz Carlos Quaresma.

Não vou alimentar as declarações desse senhor nas revistas. A minha advogada tem esse processo para resolver”, responde Micaela à mesma publicação.

Avatar
Redacçãohttp://www.infocul.pt
Redacção oficial do site infocul.pt

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

23,970FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
89InscritosInscrever