Reportagem: Porto vence Sporting por 2-0 na final da Taça da Liga

Reportagem: Porto vence Sporting por 2-0 na final da Taça da Liga, este sábado, em Leiria.

Reportagem: Porto vence Sporting por 2-0 na final da Taça da Liga

Texto: Rui Lavrador
Fotos: Diogo Nora

Equipas Titulares

Sporting: Adán; Gonçalo Inácio, Coates (St.Juste, 80), Matheus Reis; Pedro Porro, Ugarte (Arthur, 84), Morita (Tanlongo, 84), Nuno Santos (Fatawu, 56); Edwards (Trincão, 80), Pedro Gonçalves e Paulinho.

Porto: Cláudio Ramos; João Mário, Pepe (Fábio Cardoso, 90+4), Marcano, Wendell (Zaidu, 78); Otávio, Uribe, Eustáquio (Bernardo Folha, 88), Galeno, Papê (Gonçalo Borges, 88) e Taremi (Namaso, 90+4).

Suplentes

Sporting: Franco Israel, St.Juste, Trincão, Fatawu, Tanlongo, Arthur, Ricardo Esgaio, Chermiti e Jovane.

Porto: Diogo Costa, Fábio Cardoso, Verón, Zaidu, Rodrigo Conceição, Namaso, Toni Martínez, Gonçalo Borges e Bernardo Folha.

Um grande clássico do futebol português para decidir a Taça da Liga 2023, o agora intitulado Campeão de Inverno.

Na primeira parte, o Porto marcou cedo, por Eustáquio, após um ‘frango’ monumental de Adán, a um remate de fora da área.

O Sporting tomou conta do jogo e desperdiçou várias oportunidades para marcar, atirando inclusivamente duas bolas aos postes.

Edwards marcou aquele que seria o golo do empate, mas após consulta do VAR, estava em fora de jogo e o golo foi anulado.

Na segunda parte, o Porto acertou melhor as zonas de pressão e as marcações e o Sporting teve mais dificuldades, vendo a situação pior com a expulsão de Paulinho, por duplo cartão amarelo.

Marcano marcou o segundo golo do Porto a terminar o jogo e acabou com a história do jogo.

Arbitragem polémica de João Pinheiro, que poupou a expulsão a Wendell, além de outros erros técnicos e disciplinares.

Árbitro: João Pinheiro
Árbitros Assistentes: Rui Cidade e Nelson Pereira
4º Árbitro: Cláudio Pereira
Vídeo Árbitro: Tiago Martins
AVAR: Fábio Melo

Assistência:

Disciplina: Cartão Amarelo a Ugarte (31), Pepe (63), Paulinho (63 e 72), Wendell (67), Pedro Gonçalves(67), Gonçalo Borges (90+6) e Matheus Reis (90+6). Cartão Vermelho a Paulinho (72).

Golos: Eustáquio (10), Marcano (86).

Siga-nos no Google News

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

31,799FãsCurtir
12,697SeguidoresSeguir
438SeguidoresSeguir
288InscritosInscrever