João Diogo Fera cortou uma orelha (com fortíssima petição de segunda) em Villamantilla

João Diogo Fera cortou uma orelha (com fortíssima petição de segunda) em Villamantilla, na tarde de ontem.

João Diogo Fera cortou uma orelha (com fortíssima petição de segunda) em Villamantilla
FOTO: ARJONA

O matador de touros João Diogo Fera teve, ontem, duas grandes actuações em Villamantilla, às portas de Madrid.

Frente a dois novilhos de Casasola, o matador português esteve muito bem no capote e usou a técnica e o o poder para se sobrepor a um oponente que vencia-se muito por ambos os pitóns. Pinchou e foi ovacionado.

Na segunda actuação, frente a um oponente nobre e com ritmo, Fera esteve muito bem com cadência e ligação, matando com estocada inteira. Cortou uma orelha e ouviu forte petição para a segunda orelha, não concedida pela presidência.

O bandarilheiro João Pedro Silva desmonterou-se nos dois novilhos, actuando na quadrilha de Fera.

Da sua quadrilha, destacar ainda a presença do bandarilheiro português Francisco Marques.

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

28,968FãsCurtir
12,945SeguidoresSeguir
308SeguidoresSeguir
203InscritosInscrever