Domingo, Julho 25, 2021

Maria João Abreu esteve consciente durante dois dias do internamento

Maria João Abreu esteve consciente durante dois dias do internamento

Em entrevista à revista Caras, o marido de Maria João Abreu, João Soares, contou como tudo aconteceu desde o momento em que a actriz se sentiu mal até ao momento em que morreu.

Maria João Abreu sentiu-se mal no dia 30 de abril, durante as gravações da telenovela ‘A Serra’, da SIC e foi transportada para o Hospital Amadora – Sintra, numa primeira fase, onde, “sempre consciente”, deu as indicações ao médico da triagem.

Por causa da Covid, não pude estar sempre com ela. Mas por volta das 19, 20 horas, chamaram-me e disseram-me que iria ser transferida para outro hospital. Ainda estive com ela e dei-lhe uns beijinhos. Já estava em casa quando me ligaram do Garcia de Orta para me informarem de que ela já lá estava“, disse João Soares.

A 1 de Maio, dia seguinte, a actriz foi submetida a uma intervenção cirúrgica, mas “não conseguiram chegar ao aneurisma“.

Após acordar, falou com João Soares durante a noite e recebeu a visita dele no domingo de manhã.

Nesse domingo, as coisas pioraram: “Fez o cateterismo, correu bem, conseguiram colocar o stent e veio para o quarto. Acordou da anestesia geral e falei com ela. A João mexia os braços, as pernas, a cabeça, falava de forma articulada. Depois, ao final do dia, ligaram-me a dizer que tinha tido uma hemorragia. Ela tinha dois aneurismas, um rebentou, o outro não“, recordou.

No dia seguinte, “disseram-me que a hemorragia era muito extensa e que não sabiam o que iria acontecer. Teriam de esperar que o corpo absorvesse o sangue, acordá-la do coma e ver como ela reagiria“, explicou.

A actriz acabou por não resistir e morreu a 13 de Maio, deixando dois filhos, Miguel e Ricardo, da anterior relação com José Raposo.

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

23,900FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
101InscritosInscrever