Francisco M. Cortes: “Foi uma lide de mais a menos, não por culpa do novilho, mas sim por minha culpa”

Francisco M. Cortes: "Foi uma lide de mais a menos, não por culpa do novilho, mas sim por minha culpa"

Francisco M. Cortes: “Foi uma lide de mais a menos, não por culpa do novilho, mas sim por minha culpa”, disse ao Infocul.pt.

Entrevista e Fotografia: Roberto Pingas Rodrigues
Texto: Rui Lavrador

A Praça de Touros de Santo Aleixo recebeu, ontem, um festival taurino de beneficência, em prol dos Bombeiros Voluntários de Monforte e do Centro Paroquial de Santo Aleixo.

Cartel composto por António Brito Paes, Parreirita Cigano, Emiliano Gamero que substituiu Francisco Núncio, Mara Pimenta, Joaquim Brito Paes e o amador Francisco Cortes, frente a novilhos de Branco Núncio.

As pegas estiveram a cargo dos forcados amadores de Monforte, Académicos de Elvas e Redondo.

No final da actuação, Francisco Maldonado Cortes concedeu declarações ao Infocul.pt.

Penso que foi uma lide de mais a menos, não por culpa do novilho, mas sim por minha culpa. Penso que o cavalo de saída esteve bem, o segundo foi a estreia e não correu como sonhado e desejado, depois fui buscar um que está mais toureado e acho que dei a volta por cima“, começou por dizer.

Acho que era um novilho excelente, com bom trapio, a ir pelo caminho dele e sem fazer mal“, acrescentou.

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

28,100FãsCurtir
12,821SeguidoresSeguir
258SeguidoresSeguir
162InscritosInscrever