Domingo, Agosto 1, 2021

Manuel Serrão: “Posso ter-me excedido, mas não me arrependo”

Manuel Serrão foi convidado de Maria Cerqueira Gomes, no ‘Conta-me’ de ontem na TVI.

Quando tinha apenas 7 anos saiu do Porto para viver em Lisboa com o padrinho, ficando assim separado dos pais e irmãos.

Se calhar deu-me uma independência e uma capacidade de aceitar a distância das pessoas que eu gosto, que se calhar não teria tido se tivesse ficado sempre em casa“, disse.

Regressou ao Porto, para os seus primeiros trabalhos, mas Lisboa foi novamente casa quando seguiu o curso de direito.

Completou o curso, embora não fosse bem aquilo que queria. Mas os pais gostavam e ele fez a vontade.

A telvisão surge na vida de Manuel Serrão e assumiu agora que “por um lado, tirou-me a privacidade, na altura [início da carreira televisiva] não convivia bem com isso. Incomodava-me muito. Posso ser exuberante com os meus amigos, mas no geral sou discreto. Mas também me trouxe bem-estar“.

Sobre o pai, que já faleceu, disse: “A verdade é que quando precisávamos falar nem eu escondia nem ele escondia. Não me posso arrepender de nada porque nunca deixei nada por dizer”.

“Posso ter-me excedido, mas não me arrependo”, disse sobre a exuberância nos programas desportivos em que participou.

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

23,900FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
102InscritosInscrever