Sábado, Maio 8, 2021

Maria Vieira critica João Adelino Faria pela entrevista feita a André Ventura e chama-o de “guerrilheiro marxista”

Maria Vieira juntou-se ao rol de críticas feitas ao jornalista João Adelino Faria, devido à entrevista feita a André Ventura.

Através das redes sociais, Maria Vieira expressou a sua revolta:

Lamentável e absolutamente vergonhosa a «entrevista» ontem conduzida pelo (não lhe vou chamar jornalista porque ele já não merece) «guerrilheiro marxista» João Adelino de Faria!

A agressividade alucinada, a falta de competência e de profissionalismo e o atropelo que o funcionário da RTP fez ao jornalismo, foram por demais evidentes e chocaram o país inteiro, como se pode testemunhar pelos milhares de pessoas que manifestaram a sua indignação contra o mesmo nas redes sociais.

Resta definitivamente a ideia de que a RTP, um canal de televisão que hoje não honra mais o seu passado de referência, é controlado pelo Estado socialista que nos desgoverna e o mais triste de tudo é saber que somos nós, o povo português, que sustentamos essa emissora com o suor dos nossos impostos, com a contribuição de uma taxa obrigatória que há muito deveria ter sido extinta e que somos assim nós, que alimentamos as mordomias salariais destes Adelinos e de todos aqueles outros que por lá se pavoneiam, apresentando programas entediantes com audiências residuais e ocupando poltronas ideológicas distribuídas por amigos, compadres e companheiros de ocasião…

De resto, o Drº André Ventura mostrou estar à altura do processo inquisitório de que foi vítima, revelou uns nervos de aço para aturar com dignidade, civilidade e muita educação, todos os ataques e as constantes interrupções a que foi sujeito durante o referido processo e demonstrou uma paciência de santo para resistir ao impulso de abandonar aquele estúdio e deixar o camarada Adelino entregue a si próprio e à sua fúria de Adamastor!

Curiosamente, tive em tempos a oportunidade de me cruzar com o Adelino num programa de entretenimento da RTP e fiquei muito bem impressionada pela sua gentileza, pelo seu cavalheirismo e por toda a admiração que manifestou por mim e pela minha carreira profissional e por isso fiquei absolutamente siderada com o lamentável comportamento que ele demonstrou ontem à noite, revelando uma face crispada pelo ódio e um carácter assim tão agressivo, algo que eu jamais seria capaz de imaginar no mesmo homem que julgava ter conhecido lá atrás…

Resta-me a certeza de saber que o povo está definitivamente a acordar e que todos estes ataques e todo este ódio injustificado contra o Drº André Ventura será revertido na consciência dos portugueses e mais tarde demostrado nas urnas.VIVA O ANDRÉ VENTURA. VIVA O CHEGA. VIVA PORTUGAL.

A entrevista pode ser vista AQUI.

Avatar
Redacçãohttp://www.infocul.pt
Redacção oficial do site infocul.pt

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

23,968FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
87InscritosInscrever