Sexta-feira, Setembro 17, 2021

Juanito regressa à Moita: “Garanto que haverá rivalidade e emoções”

Juanito regressa à Moita: "Garanto que haverá rivalidade e emoções"

Juanito regressa à Moita: “Garanto que haverá rivalidade e emoções”, disse em entrevista ao Infocul.pt

É grande a expectativa para a corrida de touros desta quarta-feira, na Moita, num mano-a-mano entre os matadores portugueses Joaquim Ribeiro ‘Cuqui’ e João Silva ‘Juanito’.

Texto: Rui Lavrador
Entrevista: Diogo Nora

Fotografia: Catarina Pedro

Nesta corrida lidar-se-ão touros das ganadarias Oliveira Irmãos, Ascensão Vaz e Núñez de Tarifa.

Juanito concedeu umas breves declarações ao Infocul,  começando por explicar que a preparação para esta corrida é  “a continuação da temporada, prepararei esta temporada com especial ilusão e voltar à Moita depois dos triunfos do ano passado é entusiasmante”.

Respeito enormemente o entendido público da Moita e sei que me vão exigir e mais neste que graças a Deus tem sido um ano triunfal, tenho todo o desejo e os sonhos de poder triunfar de forma bonita na Moita”, acrescentou.

Sobre as ganadarias que amanhã serão lidadas, observou que “são três ganadarias muito diferentes, destacaria a classe e a nobreza de Ascensão Vaz, a classe e a bravura de Nuñez, e de Oliveira Irmãos, quiçá seja a que menos conheço, tenho ilusão já que foi uma ganadaria contratada em Portugal para o toureio a pé poder ‘cuajar’ um touro”.

Deixa a garantia ao público, que de si pode esperar “o melhor a cada día, entrega e atitude e tentar fazer o toureio que levo dentro e arriscar”.

Sobre a forma como se analisa a si enquanto toureiro, disse que “acho que é o aficionado quem deve opinar, sinto que me encontro em constante evolução e a cada dia busco mais a qualidade e o toureio caro, mas sempre e por encima de tudo emocionar a través do risco”.

João Silva ‘Juanito’ é uma artista que se foca muito na sua preparação física e emocional para cada corrida. Sobre a exigência física que os touros não picados [Em Portugal não há sorte de varas], referiu que “fisicamente o touro sem picar exige mais, sim, e pensar antes ou quiçá mais rápido, mas afinal o toureio bom é feito devagar e é isso que tento imprimir ‘despaciosida’ ao meu toureio com o maior número de touros”.

Questionado se esta é a sua melhor temporada, explicou que “é sem dúvida uma temporada bonita e redonda, mas ao mesmo tempo muito dura pelo ‘planteamento’ e pela exigência da mesma”.

Juanito apela a que “que vão à Moita, na corrida de dia 15. Garanto que haverá rivalidade e emoções. O resto tenho a certeza de que se a sorte nos acompanhar será uma grande noite de touros”.

Recordamos os cartéis para a Feira Taurina da Moita:

14 de Setembro, 3ª feira – 22:00 horas – Corrida de Toiros Mista do Município

Cavaleiros: António Telles e João Telles

Matador: Morante de la Puebla

Forcados: Amadores Moita do Ribatejo

Ganadaria: 6 toiros David Ribeiro Telles

15 de Setembro, 4ª feira – 22:00 horas – Sensacional Mano-a-Mano

Matadores: Cuqui e Juanito

Ganadarias: 2 toiros Oliveiras, Irmãos; 2 Toiros Ascensão Vaz; 2 toiros Nuñez de Tarifa

16 de Setembro, 5ª feira – 22:00 horas – Corrida de Toiros comemorativa do 70º aniversário da Casa da Enguias

Cavaleiros: Rui Fernandes, Gilberto Filipe, Filipe Gonçalves, João Telles, Luis Rouxinol jr, Duarte Fernandes e Tristão Ribeiro Telles

Forcados: Aposento da Moita do Ribatejo

Ganadaria: 6 toiros e 1 novilho Passanha

17 de Setembro, 6ª feira – 18:00 horas – Novilhada Popular

Cavaleiro: Diogo Oliveira

Forcados: Aposento da Moita do Ribatejo

Novilheiros: German Vidal “El Melli”, Filipe Martinho, Duarte Silva, Tristán Barroso e Juan Alonso

Ganadaria: 7 novilhos gentilmente cedidos por diversos ganaderos

Os bilhetes estarão disponíveis para venda nos locais habituais e através do número 913 325 158.

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

23,900FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
109InscritosInscrever